MEGA  PROMOÇÃO PARA NOVEMBRO....

Aproveite a promoção "SOBRADO GEMINADO" Código 644 de R$ 345.000,00 por apenas R$ 299.000,00.

PROMOÇÃO CASA GEMINADA

Casa 01 de R$ 195.000,00 por R$ 160.000,00 a vista. Código 686.

Casa 02 de R$ 195.000,00 por R$ 165.000,00 a vista. Código 731.

Casa 03 de R$ 130.000,00 por R$ 100.000,00 a vista. Código 719.

Casa 03 de R$ 169.000,00 por R$ 149.000,00 a vista. Código 537.

Visite estes belíssimos imóveis e adquira já e realize seu sonho para temporada!

Whats (47) 993529-27   (47) 99969-9647  ou (41) 99669-9647

 

 

 

 

Praia de Itapoá, no Norte do Estado, é a número um no coração dos veranistas
Publicado em 06/03/2013
 
A cada verão, milhares de turistas vêm ao litoral de Santa Catarina atrás de algumas das praias e baladas mais procuradas do país. A Praia de Itapoá, a campeã do Índice de Satisfação do Veranista (classificação criada pela Revista de Verão para que leitores escolhessem a melhor praia do Estado) está na contramão de tudo isso.

A cidade de apenas 15 mil habitantes não tem beach clubs ou restaurantes famosos, mas os leitores que garantiram a vitória do balneário, com 66,7% dos votos, apontam a preservação natural e o sossego como características que fazem da região um destino especial. O nome Itapoá tem origem indígena e significa “pedra que aparece”. A tal pedra fica no Balneário de Maresias, a 300 metros da faixa de areia, e pode ser avistada em dias de maré baixa.

Praia, aliás, é o que não falta. A areia começa na Barra do Saí (na divisa com o Paraná) e vai até a Baía da Babitonga. São aproximadamente 32 quilômetros de paisagens que recebem 250 mil turistas a cada temporada de verão. Pela proximidade com o Estado vizinho, a prefeitura estima que 80% dos turistas que visitam o município sejam do Paraná, principalmente da capital Curitiba.
Bom para surfe, o balneário atrai muitos praticantes do esporte. A limpeza é outro ponto que merece destaque: de acordo com a Fundação do Meio Ambiente (Fatma), a Praia de Itapoá nunca teve problemas de balneabilidade. Desde que o órgão passou a monitorar a qualidade das águas no local, o que já aconteceu 236 vezes, ele nunca esteve imprório.

Secretária em Palmas (PR), Cristina Mello dos Santos escolheu a cidade para passar férias muito tranquilas com a família:

— É a primeira vez que eu venho. Quem me indicou disse que era uma praia de pescadores, muito calma. Vim atrás de sossego — contou Cris, enquanto brincava com a pequena Julia, de três anos.
Saia do pacato Centro de Itapoá e siga pela via que acompanha a praia no sentido sul. No caminho, você avistará o Farol do Pontal, com suas tradicionais listras brancas e vermelhas. Construído em 1948, a estrutura de oito metros foi edificada para guiar as embarcações que adentram a Baía da Babitonga.

Continue o percurso e perceba a mudança no cenário. A paisagem natural aos poucos se mistura com o enorme maquinário do porto e com o colorido dos contêineres. No local, há um píer para observar os equipamentos modernos e gigantes. Não deixe de visitar ainda a antiga figueira que dá nome à região.



Belo visual

Um dos visuais mais bonitos de Itapoá é a região de três pedras, na Praia de Itapema do Norte. É parte mais moderna do balneário. As três pedras formam uma bonita composição e, além de banhistas e pescadores, gaivotas escolhem o local para descansar e se alimentar.
Observação de pássaros

Itapoá recebe anualmente ornitólogos (pesquisadores de pássaros) e apaixonados por aves de diversas partes do mundo. Só na Reserva Volta Velha, principal ponto de observação de aves na região, foram catalogadas mais de 230 espécies, entre elas a maria-catarinense, pássaro-símbolo de Itapoá e que só vive nesta localidade. A reserva tem cem hectares de mata preservada e é particular, mas fica aberta o ano todo para visitação, com opções de hospedagens. Existem três trilhas para quem quer se aventurar pela mata, cada uma com duração e grau de dificuldade diferente. É possível concluir o percurso sozinho, mas é muito mais interessante ir com um guia. O português Beto Vieira vive em Itapoá há cinco anos. Foi ali que adquiriu o encanto pela fotografia e pelas aves. Ele acompanha grupos que desejam conhecer a região, conhece cada canto do local e possui gravados em um iPod mais de 500 sons para chamar os pássaros na reserva. Não esqueça o repelente e uma roupa leve, mas fechada: são muitos os pernilongos em meio à mata úmida e fechada.


Cidade jovem

Itapoá ainda está engatinhando no que diz respeito à infraestrutura para o turismo, pois a cidade tem apenas 23 anos – antes pertenceu a São Francisco do Sul e Garuva. De acordo com o secretário de Turismo, Meio Ambiente e Cultura, Conrado Schneider, há projetos para a revitalização da orla e para a instalação de chuveiros ecológicos já para a próxima temporada.

Por enquanto, é melhor ir preparado, levando de casa cadeira e guarda-sol, já que não existe serviço de locação. Não há quiosques na praia, mas em alguns pontos há lanchonetes e restaurantes à beira-mar. Também não há banheiros químicos, mas há muitos locais para deixar o carro bem próximo da areia, gratuitamente.


Como chegar

Para quem sai de Florianópolis, pegue a BR-101 no sentido norte por cerca de 200 quilômetros. Siga as placas Itapoá e ande pouco mais de 30 quilômetros pelas estradas SC-412 e SC-415. Dá para ir por Joinville ou São Francisco do Sul, via travessia de balsa.


Confira depoimentos de leitores que escolheram Itapoá:

"Águas limpas e quentes, uma maravilha. Faz seis anos que eu e minha família passamos férias em Itapoá." Eliza Mariussi Petrenco, de Tupãssi (PR).

"Sem dúvida, a melhor praia é Itapoá. Povo muito legal e hospitaleiro, ótima praia para banho e tranquila, além da facilidade de acesso." Rodrigo Munhoz, de Campo Alegre.

"Itapoá merece ser reconhecida por sua extensão e pela sua calmaria, com belas praias, todas com 100% de balneabilidade. Sem prédios na orla, o visual da praia fica muito mais claro." Rafael Aires, de Itapoá.


De Anelize Salvagni para o site do Jornal “A Notícia”, com adaptações do Diário de Itapoá, e foto de Alvarélio Kurossu, da Agência RBS.

 
Voltar
 
Entrar em contato via WhatsApp!